Pular para o conteúdo principal

É carnaval

Já é carnaval. E nesse dia ninguém chora. Não chora porque é o hoje o dia da alegria e a tristeza nem pode pensar em chegar. Vou tomar parte na festa, vou tomar um porre de felicidade, vou sacudir, eu vou zoar toda a cidade. Quanto riso, ó quanta alegria! Serei um dos muitos palhaços no salão. Mas não quero ver o Alecrim chorando pelo amor da Colombina, mesmo que a Colombina seja eu. Se foi um rio que passou em minha vida, certamente vai passar... Se não foi, explode coração na maior felicidade! Mas só depois que o bloco passar, porque, afinal é carnaval e até a quarta-feira de cinzas meu único compromisso é com a diversão.

Comentários

Anônimo disse…
Oi, prq é emabaçado comentar? Adorei seu blog, não deu tempo de ler tudo, mas você sempre tem coisas interessantes pra dizer. O que é raro achar em blog.
Se quiser conhecer os meus:
poemeus.zip.net e
oscontistas.zip.net
não tenho muito que dizer, mas me esforço!
um grande abraço