Pular para o conteúdo principal

Canção do dia de sempre

"Tão bom viver dia a dia...
A vida, assim, jamais cansa...

Viver tão só de momentos
Como essas nuvens do céu...

E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência... esperança...

E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.

Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.

Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas..."

(Mario Quintana)

Comentários

Marcia Krieger disse…
Ai, ai, Roberta...
Falar o que? Quintana e Quintana, isso ja diz tudo!
Aproveito para a agradecer por vc ter atendido a minha solicitacao de participacao, la no meu blog. Valeu mto.
Mais uma vez, repito, e sempre um imenso prazer passar pelo seu espaco.
Bjks de carinho.
Marcia.
Anônimo disse…
o q houve???
cade vc???
quero te ler!!!

um beijo da maira com preguicar de logar...
Mario Quintana sempre cai bem, beijos