Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2016

¡Gracias, Colômbia!

Por causa dos livros de Gabriel García Márquez, sempre tive interesse, curiosidade e vontade de conhecer a Colômbia. “Colômbia!? Por que Colômbia?”, me perguntavam. “Por que não?”, pensava eu. Mas havia um não, alguns nãos. Havia o perigo real da violência dos cartéis e da guerrilha. Interesse e curiosidade mantidos, vontade guardada.

Ficou guardada até o ano passado, quando desembarquei em Bogotá. Conheci a capital, segui para Cartagena e acumulei, em dez dias, impressões, experiências, sensações e sentimentos que talvez ainda hoje eu não saiba explicar bem como e por que mexera comigo. Mexeram muito comigo!

Mas se há coisas, muitas coisas, desta viagem que razão e coração ainda não compreendem, há algo que desde o início percebi, entendi e admirei: a educação, a cordialidade, a solicitude, a gentileza, a honestidade e a simpatia do povo colombiano. Tanto na andina Bogotá quanto na caribenha Cartagena, foi isso que encontrei.

Foi uma viagem, por tudo que vivi e senti, compreendendo i…